Aplicação da geotecnia na prática de engenharia

Resumo: É essencial para o pesquisador divulgar os resultados da pesquisa realizada na comunidade científica. Mas, além disto, o conhecimento gerado nas pesquisas deve ter aplicação prática,
ou seja, contribuir para a solução de problemas gerais e/ou locais. Este projeto visa desenvolver e aprimorar técnicas de investigação geotécnicas de laboratório e/ou campo
para obtenção de parâmetros geotécnicos de projetos e analisar o desempenho de obras geotécnicas por meio de resultados e interpretação destes ensaios.
A adaptação de equipamentos de laboratório e campo existentes para aplicações no Brasil visando determinar as propriedades geotécnicas de materiais porosos (solos naturais e
compactados e novos materiais como escórias de aciaria e areia “oleosa”), a aplicação de probabilidade e estatística em retro-análises de obras geotécnicas instrumentadas no campo,
e a modelagem numérica do comportamento de materiais porosos são também objetivos deste projeto. Este projeto busca, ainda, a interação com outras universidades e centros de
pesquisas do Brasil e do exterior para troca de experiências e realização de pesquisas em comum.
Este projeto pretende continuar trabalhos com repercussão e divulgação significativa na comunidade geotécnica e inclui estudos nas áreas experimental e numérica:

i) Investigações geotécnicas; Esta linha de pesquisa visa determinar as propriedades geotécnicas de materiais porosos com um banco de dados, metodologia de obtenção de
parâmetros e novos equipamentos de campo e de laboratório (Murray et al. 2004). As pesquisas incluem o uso da análise de imagens para determinar superfície específica e
forma de grãos de areias da Grande Vitória, ES (Araújo 2001, Araújo et al. 2003), métodos de determinação da expansão de escórias de aciaria brasileiras (Raposo 2005, Oliveira
2006, Bicalho et al. 2007b, 2008b), determinação de propriedades geotécnicas de misturas areia-argila (Bicalho et al. 2002b) e ensaios de laboratório em não-saturados (Bicalho et al.
2007c), (ver item iii. apresentado a seguir). Temos criado ao longo das pesquisas desenvolvidas na UFES um banco de dados com resultados experimentais (ensaios geotécnicos) para os solos da Grande Vitória, ES. Esta linha de pesquisa tem também
concentrado recentemente em aplicação de técnicas estatísticas na interpretação dos resultados experimentais e verificação de desempenho de obras geotécnicas (Moraes 2008).

ii) Comportamento de fundações e provas de carga; Estas pesquisas incluem a avaliação da capacidade de carga do sistema estaca-solo formado por estacas tubulares de aço de alta resistência (Cavassani 2005, Cavassani et al. 2006) e de técnicas de melhoramento de solos como estacas de compactação, uma técnica de melhoramento de solos arenosos fofos utilizada no estado do Espírito Santo desde 1992 (Bicalho et al. 2002a, Moraes et al. 2008). Nesta área de pesquisa participamos como palestrante convidado “Co-General Reporter”
do “Fifth International Conference on Case Histories in Geotechnical Engineering”, New York, USA, 2004 (Leventis, Bicalho, Alamgir, Chang, Biesiadeeki 2004).
iii) Solos não saturados; As pesquisas avaliam as características mecânicas e hidráulicas de solos não saturados com várias publicações nacionais e internacionais, e intercâmbios com
centros de pesquisa no Brasil (USP, UFV) e exterior (Ecole Nationale des Ponts e Chaussées -Centre d’Enseignement et de Recherches en Mécanique des Sols (ENPC –
CERMES), École Centrale de Paris - Laboratoire Mécanique des Sols, Structures et Matériaux (ECP – LMSSMat), Colorado University –Boulder, USA, e Universidade do Minho, Portugal). Os efeitos dos ciclos de umedecimento e secagem nas curvas de
condutividade hidráulica e de retenção de água pelo solo são também avaliados nesta linha de pesquisa (Fleureau et al. 2002; Znidarcic et al. 2004, Bicalho et al. 2000, 2005a, 2007a).

Nesta área de pesquisa apresentamos (palestrante convidado) o estado da arte sobre as técnicas experimentais de determinação das propriedades hidráulicas de solos não saturados no International Advanced Experimental Unsaturated Soil Mechanics (Experus- 2005), em Trento na Itália com um artigo aceito para publicação no periódico internacional Geotechnical and Geological Engineering (Masrouri, Bicalho, Kawai, 2008). Esta linha de pesquisa tem também concentrado recentemente em avaliação da variação da sucção,
umidade e temperatura do solo devido à interação solo-atmosfera por períodos prolongados (Blight 1997; Bicalho et al. 2008a).

iv) Técnicas Numéricas/Modelos constitutivos; As pesquisas incluem modelagem do
comportamento de solos saturados e não saturados considerando a interação solo estrutura
(fundações) e solo atmosfera (Bicalho 2007, Bicalho et al. 2008) e geraram intercâmbio
com os laboratórios na França, ECP – LMSSMat e ENPC – CERMES. Essas pesquisas
levaram ao convite para membro do Comitê Científico e revisora do International
Symposium Drought on Constructions, ENPC, Paris, 2008. Esta linha de pesquisa tem também concentrado recentemente estudos na aplicação de probabilidade e estatística em
retro- análises de obras geotécnicas instrumentadas no campo (análise paramétrica).

Data de início: 2009-03-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Mestrado Camila Loss dos Santos Cunha
Aluno Mestrado Gabriel Peixoto Derenzi Vivacqua
Aluno Mestrado Fernanda Vescovi Gonçalves
Coordenador Kátia Vanessa Bicalho
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910