INDICADORES DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA & INOVAÇÃO:
ANÁLISE DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA ÁREA
DE CONHECIMENTO EM ENGENHARIA CIVIL NA BASE DE DADOS
DA WEB OF SCIENCE

Nome: Patricia Bourguignon Soares
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 09/06/2014
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
João Luiz Calmon Nogueira da Gama Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Estevam Barbosa de Las Casas Examinador Externo
Geilma Lima Vieira Examinador Interno
João Luiz Calmon Nogueira da Gama Orientador
Marta Monteiro da Costa Cruz Examinador Interno
Teresa Cristina Janes Carneiro Coorientador

Resumo: Esta dissertação trata da análise da produção científica e tecnológica internacional e brasileira
na área de conhecimento Engenharia Civil, por meio de indicadores bibliométricos. A área
Engenharia Civil foi escolhida em razão da sua relevância para o desenvolvimento econômico
do país. No entanto, em termos absolutos e relativos, está entre os setores tecnologicamente
mais atrasados da economia. A bibliometria é uma disciplina com alcance multidisciplinar
que estuda o uso e os aspectos quantitativos da produção científica registrada. Os indicadores
de produção científica são objeto de análise de várias áreas do conhecimento, tanto para o
planejamento e a execução de políticas públicas de vários setores quanto para maior
conhecimento da comunidade científica sobre o sistema em que está inserida. A metodologia
utilizada para a elaboração deste estudo descritivo de caráter exploratório foi a análise
documental e bibliométrica, baseada em dados das publicações científicas, no período de
1970 a 2012, e tecnológicas, no período de 2001 a 2012, da área Engenharia Civil, indexadas
nas bases de dados Science Citattion Index Expanded (SCI); Social Science Citation Index
(SSCI); Conference Proceedings Citation Index (CPCI) e da Derwent Innovations Index
(DII), que compõem a base de dados multidisciplinar da Web of Sicence (WoS). As
informações foram qualificadas e quantificadas com o auxílio do software bibliométrico
VantagePoint®. Os resultados obtidos confirmaram o baixo número de publicações científicas
e tecnológicas na área de conhecimento Engenharia Civil de autores filiados a instituições de
ensino e pesquisa brasileiras quando comparados aos dos países industrializados. Existe um
conjunto de fortes condicionantes que ultrapassam o poder de decisão e de influência da
academia, dificultando e limitando a disseminação das pesquisas e patentes brasileiras
relacionadas a fatores de caráter sistêmico e cultural. A possibilidade de análise de
indicadores de produção científica e tecnológica na Engenharia Civil contribui para criar
políticas que, se utilizadas por agências de fomento, podem subsidiar investimentos mais
fundamentados por parte dos governos e da iniciativa privada, a exemplo do que é feito por
outros setores industriais.

Acesso ao documento

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910