Avaliação Pós-ocupação e Manutenção Estratégica De
escolas Públicas

Nome: Milton Paulino da Costa Júnior
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 19/12/2001
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Maristela Gomes da Silva Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Eliana Zandonade Coorientador
Márcia Aiko Shirakawa Suplente Externo
Maristela Gomes da Silva Orientador
Moema Ribas Silva Examinador Interno

Resumo: As patologias existentes nos edifícios da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) geram prejuízo ao governo federal, que muitas vezes deixa de investir em ensino e pesquisa para realizar reparos e reposições destas edificações. Tais patologias decorrem, principalmente, da falta de cuidados no processo de produção e uso das edificações.
Diante da carência de pesquisas que enfoquem a fase de uso, operação e manutenção, há uma ausência de análises preventivas desde a fase de projeto que assegurem o atendimento de requisitos mínimos de desempenho e a vida útil das edificações. Neste contexto, a Avaliação Pós-Ocupação é utilizada como ferramenta para a promoção de
iniciativas que busquem a melhoria da qualidade das edificações e para a produção de informações destinadas à retroalimentação de futuras construções. O principal objetivo deste trabalho é a proposição de um plano de ações tecnológicas voltadas à manutenção estratégica de escolas públicas, além do enfoque de manutenção preventiva e corretiva nestas instituições. Primeiramente, foi delineada, através da revisão bibliográfica, uma metodologia de Avaliação Pós-Ocupação (APO) para observação e registro das principais patologias
existentes nas edificações da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) selecionadas para esta pesquisa. Foram realizadas entrevistas com os chefes de departamentos da Prefeitura da UFES, através das quais foram obtidas informações importantes para a pesquisa.
Com o auxílio desta metodologia utilizada para o estudo de caso, foram identificadas as principais patologias existentes nos edifícios avaliados e foram realizados o diagnóstico e a proposição de sugestões, com base em soluções de projeto, especificação de materiais e execução, a fim de que tais patologias sejam evitadas. Dessa forma, foram enfocados os pontos deficientes dentro do caderno de encargos e especificações da UFES, possíveis causadores das patologias observadas. Ademais, foram
formuladas recomendações de melhoria e atualização de algumas especificações que, juntamente com as considerações de manutenção preventiva e corretiva, compõem a proposta de manutenção estratégica.

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910