ANÁLISE dos Impactos do Uso da Motocicleta e do Transporte Público na Cidade de Vitória

Nome: Patricia de Aquino Lannes Brites
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 26/09/2017
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Gregório Coelho de Morais Neto Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Gregório Coelho de Morais Neto Orientador
Patricia Alcantara Cardoso Examinador Interno
Thalmo de Paiva Coelho Junior Examinador Externo

Resumo: O presente trabalho quantifica, em unidades monetárias, os impactos causados pelo uso de motocicletas e do transporte público na cidade de Vitória, capital do Espírito Santo. O crescimento do uso de modos motorizados individuais de transporte dos últimos anos levanta a questão: até que ponto seu uso promove efeitos positivos maiores do que negativos? Dentre esses modos se destaca o uso das motocicletas cuja frota aumentou 204% entre 2003 e 2015 em Vitória. A praticidade e rapidez das motocicletas em contraponto com a demora e desconforto do transporte coletivo favoreceu a troca de modo pela população. Conhecer os impactos dessa mudança é importante para traçar estratégias de gestão sustentável da mobilidade urbana e os abordados neste estudo foram o tempo de viagem, os custos operacionais, o risco de acidentes e a poluição atmosférica. A escolha destes foi feita baseada na revisão da literatura sobre o assunto e nos dados disponíveis para desenvolvimento dos cálculos. Constatou-se que, referente aos custos do usuário, a motocicleta possui vantagem financeira competitiva em relação ao transporte público, mas seus custos sociais e ambientais excedem amplamente essa vantagem e a transformam em um modo a ser desencorajado pela gestão da cidade.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910